COVID - 19

Na era Covid, “Gripe” foi reclassificada como coronavírus, diz epidemiologista


O que aconteceu com a “temporada de gripe?” Na era do COVID, “a gripe” foi reclassificada como coronavírus, diz epidemiologista : 

Há alguns meses, alguns especialistas em doenças infecciosas começaram a alertar que seria extremamente difícil, na medida que a pandemia de COVID-19 persistir no outono, para os profissionais de saúde da linha de frente determinarem se a doença era devido ao novo coronavírus ou ao bom, antiquado e velho vírus da gripe comum.

Tradução, edição e imagens:  Thoth3126@protonmail.ch

O que aconteceu com a “temporada de gripe?” Na era do COVID, “a gripe” foi reclassificada como coronavírus, diz epidemiologista

Fonte:  Natural News

A razão, eles disseram, é que em muitos aspectos, os sintomas da gripe podem e iriam imitar os sintomas do COVID-19.

Mas, de acordo com um epidemiologista, esse problema foi resolvido pelos “poderes constituídos”: simplesmente reclassifique os casos de gripe como doenças COVID-19 – assim, os “casos de gripe” diminuirão este ano, enquanto os democratas autoritários de Joe Biden continuam ‘justificando’ bloqueios perpétuos e roubo de nossa liberdade e direitos como quase todos os demais governos do planeta.

No site JustTheNews.com podemos ler que: 

“As taxas de gripe permaneceram persistentemente baixas até o final de 2020 e em 2021, sumindo a partir dos níveis de um ano atrás e aumentando o espectro intrigante de taxas de transmissão de influenza drasticamente reduzidas, mesmo com os testes positivos para COVID-19 quebrando vários registros nas últimas semanas”. 

“Para onde foram todos os casos de gripe? O epidemiologista Knut Wittkowski acha que pode resolver o enigma”.

“A gripe foi renomeada para Covid em grande parte”, disse Wittkowski, o ex-chefe de bioestatística, epidemiologia e projeto de pesquisa da Universidade Rockefeller.

“Pode haver um grande número de casos de influenza incluídos na categoria ‘presumível de COVID’ de pessoas que têm sintomas de COVID (com os quais os sintomas de influenza podem ser confundidos), mas não são testados para RNA da SARS”, acrescentou.

Esses pacientes, explicou ele, “também podem ter algum RNA SARS sentado em seus narizes enquanto são infectados com Influenza, caso em que a influenza seria ‘confirmada’ como COVID.”

Você sabe, como quando você morre de um ferimento à bala ou um acidente de carro, mas acontece de o teste positivo para o novo coronavírus, é listado como uma morte pelo Covid . Mas não acredite apenas na nossa palavra ou na de Wittkowski; os próprios dados do governo mostram que algo muito suspeito está acontecendo, o que tem sido normal quando se trata de deturpar a ameaça desse vírus e a sua letalidade.

De acordo com o recente rastreador de vigilância semanal da gripe do Centro de Controle e Prevenção de Doenças [CDC], as taxas cumulativas de gripe positivas do final de setembro a meados de dezembro são de apenas 0,2 por cento, de acordo com laboratórios clínicos que testam o vírus. Isso se compara aos 8,7% cumulativos típicos do ano passado.

Comparações semanais de dados do ano passado e deste ano mostram uma diferença ainda maior: há um ano nesta semana, a taxa positiva de gripe era de 22 por cento, mas neste ano é de apenas 0,1 por cento. Alguns tentaram explicar a enorme diferença nas infecções de gripe alegando que “o uso de máscaras, o distanciamento social e até mesmo os bloqueios” estão fazendo a “diferença”. 

Timothy Sly, professor de epidemiologia da Ryerson University em Toronto, disse ao meio de comunicação que “a incidência reduzida da gripe sazonal se deve quase com certeza à proteção que uma grande proporção da população vem usando há muitos meses”. Essas medidas, disse ele, são “projetadas para serem eficazes contra qualquer vírus respiratório transportado pelo ar”. [portanto o uso de focinheiras, distanciamento social e lockdowns generalizados, prosaicamente, acabaram com o “vírus da Gripe”, tudo muito simples]

E Holden Maecker, professor de microbiologia e imunologia da Universidade de Stanford, concorda. “Estou bastante confiante de que as medidas de mitigação do Covid-19 causaram a redução dos casos de gripe este ano”, disse ele ao Just the News. “Máscaras, distanciamento social e lavagem das mãos são medidas eficazes contra resfriados e gripes”.

É Mesmo?

Isso é apenas BS; se isso fosse verdade, os casos de Covid-19 não estariam aumentando , em qualquer lugar – especialmente em zonas livres de liberdade como Nova York e Califórnia.

Mas Maecker também tinha uma explicação para isso. Questionado sobre por que o COVID continua a se espalhar, mas o vírus da influenza altamente contagioso não, ele disse: “Acho que é porque

(1) há menos imunidade pré-existente ao SARS-CoV-2 na população, enquanto a maioria de nós já teve vacinas e / ou crises anteriores de gripe; e

(2) o vírus SARS-CoV-2 parece se espalhar mais facilmente do que a gripe, incluindo mais transmissão por aerossol e eventos de ‘super-propagação’. A transmissão da gripe é quase inteiramente de gotículas de curta distância e contato direto com o nariz ou olhos”. 

De novo … BS . Mais uma vez mentiram sobre a COVID para que os políticos tirânicos e autoritários de nossa sociedade continuem justificando a eliminação de nossas liberdades.

Veja mais reportagens como esta em Pandemic.news .


Questione tudo, nunca aceite nada como verdade sem a sua própria análise, chegue às suas próprias conclusões.


“Parece duvidoso se, de fato, a política de “Botas no rosto” pode continuar indefinidamente.  Minha própria convicção é que a oligarquia governante encontrará maneiras menos árduas e perdulárias de governar e de satisfazer sua ânsia de poder, e essas formas serão semelhantes às que descrevi em Admirável Mundo Novo [uma verdadeira profecia publicada em 1932].  Na próxima geração, acredito que os governantes do mundo descobrirão que o condicionamento INFANTIL e a narco-hipnose são mais eficientes, como instrumentos de governo, do que e prisões e campos de concentração, e que o desejo de poder pode ser completamente satisfeito sugerindo às pessoas que amem sua servidão ao invés de açoita-los e chutando-os até à obediência. ”  Carta de Aldous Huxley  EM 1949 para George Orwell autor do livro “1984”


Mais informação adicional:

Permitida a reprodução, desde que mantido no formato original e mencione as fontes.

www.thoth3126.com.br.


Categorias:COVID - 19

Marcado como:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.