Italianos, Argentinos e outros fazem denuncia crime contra OMS e sua pandemia


Esse espaço é para que você tenha uma segunda ou terceira visão do mesmo fato longe das redes sociais, aqui é mais difícil, (não impossível) deles rastrearem. 
Os eventos que massacram os humanos tem como objetivo a redução de população, escravização e outros. A Terra é como uma boa fazenda, onde o plantel (de humanos raros) é rigorosamente cuidado, vacinado e protegido de predadores diversos. Depois eles nos utilizam como querem.
Eu sei que em muito breve muitos irão despertar para toda essa manipulação e conseguir enxergar sua realidade, além do holograma. 
As “agitações” já começaram. Grupos e grupos de despertos estão conseguindo balançar as estruturas dos negativos. Precisamos de você também para aumentar o CAMPO de informação. 
Quanto maior é o número participantes de uma egrégora, maior é expansão desse CAMPO. Lembra do meu texto “o centésimo macaco”  ?
Pois é… estamos chegando a um ponto de mutação e isso será muito bom para as próximas gerações. 
Veja o que anda acontecendo pelo planeta que você nem faz ideia, pois não passará no seu canal de TV.
Você sabia que em 28 de abril de 2020, um grupo, que agora tem cerca de 50.000 membros, torna se oficialmente o Comitê de Verdade e Justiça para as vítimas do Covid-19.

Fizeram no dia 13 de julho de 2020 um encontro nas ruas da Itália para demonstrar essa união em torno dessa “pandemia” de desinformação.
O proeminente professor de medicina forense Klaus Püschel tem vasta experiência em autopsiar indivíduos que morreram com o coronavírus chinês em Hamburgo, Alemanha.
Durante uma aparição na televisão alemã, o professor surpreendeu a plateia ao afirmar que a histeria por causa do coronavírus é “completamente exagerada”, pois todas as fatalidades que ele examinou apresentavam doenças anteriores sérias que logo resultariam em morte com ou sem o vírus.
Veja esse texto todo laura botelho
Resumo do vídeo abaixo com o texto original.Freira argentina, que trabalha na Itália, informa a seus compatriotas a denúncia de médicos, pesquisadores e advogados italianos, composta por 2.000 demandantes em uma ação criminal contra a OMS e outra denúncia criminal apresentada contra membros do governo, conselheiros virológos e Ministro da Saúde italianos, por implementar políticas que levaram à morte de milhares de cidadãosA coalizão denunciou a ação criminosa da Organização Mundial da Saúde (OMS)Apresenta denuncia penal contra autoridades do governo, dos assessores, virólogos e Ministro da Saúde, por implementar políticas que levaram à morte milhares de Italianos.
Estão trabalhando agora para deter o projeto vacinação massiva anti gripal nos próximos meses, tendo advertido a interferência viral que produz.
Acusam a Organização Mundial da Saúde concretamente de proibir a realização de autópsias, sabendo que os cadáveres não infectam depois de 24 horas. Teriam podido descobrir a inflamação e teriam salvado muitas vidas, inclusive os pacientes entubados.
Acusam também a OMS de induzir o pessoal sanitário a conectar os pacientes a respiradores e negar-lhe qualquer outra alternativa. Resultado; mataram literalmente destroçando seus pulmões com o oxigênio que a inflamação não deixava passar.
Acusam a OMS de encorajar enganosamente a utilização dos testes PCR, quando o mesmo criador desse teste tem dito que esse teste é inadequado para detectar infecções virais, não é ferramenta diagnóstica, os positivos são falsos.Ao governo Nacional (Itália) aos virólogos e as autoridades regionais fizeram lhe acusações criminais por atuar como terroristas ao incrementar o número de supostos infectados e mortos por COVID, números que não são tais. Mandam dissolver os sintomas e catalogar como COVID todo paciente internadocom ou sem infecção respiratória, qualquer que fosse a causa.
Negaram assistência média ao resto das doenças e mandaram colocar COVID como causa da morte.
Também denunciam nos por decretar quarentena com base em critérios não avalizados pelas verdadeiras autoridades da ciência médicas por fora de lobbys de laboratórios reduzindo a população a miséria e pisoteando em direitos constitucionais.
Por último essa coalizão de médicos e advogados opõe se terminantemente a qualquer tentativa de vacinação massiva que inclua substancias estranhas e sem dar rigorosa verificação de efeitos posteriores e a longo prazo.
Impedirão por todos os meios que seus compatriotas sejam tratados como ratos de laboratório.

https://bloglaurabotelho.blogspot.com/2020/07/italianos-argentinos-e-outros-fazem.html

Não preciso alertar que vão tirar esse vídeo do ar, então assista ainda hoje.



Categorias:Sem categoria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: